Mercado

Dados da exportação de carne bovina, suína e de frango em 10 anos

O Farmnews apresenta dados da exportação de carne bovina, suína e de frango do Brasil ao longo da última década, de 2013 a parcial de 2022.

Afinal, como evoluiu a receita de exportação das carnes exportadas pelo Brasil, mensalmente, desde o início de 2013 até agosto de 2022?

E antes de falar em exportação de carnes, é importante destacar que em 2022 a receita de exportação do agronegócio como um todo tem alcançado valores recordes. Clique aqui e confira dados sobre o assunto!

Mas voltando as carnes, a receita de exportação de carne bovina tem sido a maior entre as demais carnes (frango e suíno) desde 2021. Pois é, como destaca a Figura abaixo desde 2021, com uma exceção pontual em outubro de 2021, a receita de exportação de carne bovina tem superado a de frango.

A Figura a seguir ilustra a evolução do faturamento mensal, em milhões de dólares, com a exportação de carne bovina, suína e de frango do Brasil, entre 2013 e agosto de 2022, segundo dados do MDIC-SECEX.

dados de exportação de carne
Fonte: Dados do MDIC-SECEX (adaptado por Farmnews)

Os dados de exportação de carne mostram desde o final de 2019 a carne bovina tem se consolidado como a de maior receita entre as carnes exportadas pelo Brasil.

Em 2022, entre janeiro e agosto, a receita de exportação de carne bovina do Brasil somou o equivalente a US$7,96 bilhões, valor 46,2% acima do praticado no mesmo período de 2021 (US$5,44 bilhões). No caso da carne de frango, no acumulado de 2022 até agosto, as vendas do Brasil somaram US$5,96 bilhões, um crescimento de 34,7% frente a 2021 (US$4,43 bilhões).

Participe do nosso Grupo no WhatsApp Participe do nosso Grupo no WhatsApp

É importante destacar que a receita de exportação de carne bovina brasileira foi 33,5% maior que a receita gerada pela comercialização de carne de frango do Brasil no mercado internacional na parcial de 2022 até agosto (US$7,96 bilhões em carne bovina e US$5,96 bilhões em carne de frango). No acumulado de 2021, até agosto, essa diferença era menor, de 22,9%, uma vez que a receita de exportação de carne bovina foi de US$5,44 bilhões e a de frango de US$4,43 bilhões).

O destaque negativo ficou para a carne suína em 2022, já que no acumulado parcial de 2022 até agosto as vendas do Brasil somaram o equivalente a US$1,50 bilhão, valor 11,3% menor que o observado no mesmo período de 2021 (US$1,69 bilhão).

A FAO atualizou os dados do índice de preço de carnes que mostram sinais de queda após patamares recordes. Clique aqui e confira!

Clique aqui e receba os estudos do Farmnews pelo WhatsApp!

Ivan Formigoni

Zootecnista, Fundador do Farmnews e interessado em fornecer informações úteis aos nossos leitores!

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo