Mercado

Preço da carne bovina no varejo e oferta elevada pressionam o boi gordo em 2023

O preço da carne bovina no varejo permanece caindo menos que o boi gordo e a carne bovina no atacado em 2023.

Além da maior oferta de animais para o abate, em virtude do ciclo pecuário (clique aqui), o consumo doméstico segue enfraquecido e o preço da carne bovina para o consumidor final é outro fator de destaque no ano. Isso porque embora acumule perda, o valor médio da carne bovina (Figura) para o consumidor final cai muito menos que o boi gordo e a carne no atacado.

A Figura apresenta os dados médios do preço nominal da carne bovina no varejo paulista, segundo dados do IEA, em Reais por kg.

preço da carne bovina
Fonte: Dados do IEA (adaptado por Farmnews)

O preço da carne bovina no varejo paulista acumulou queda de 8,3% entre o final de 2022 e julho de 2023, queda muito inferior à observada para o boi gordo no período, que caiu quase 15,0%.

Em agosto o preço do boi gordo seguiu trajetória de queda, renovando a mínima do ano (clique aqui) e embora não tenhamos dados parciais de agosto do preço da carne para o consumidor final, no acumulado até julho os dados mostram um forte descolamento, com uma maior perda do animal pronto para o abate.

Entre julho de 2022 e julho de 2023, enquanto o preço da carne bovina no varejo (IEA) caiu 11,2%, o preço do boi gordo (Cepea) acumulou queda de 22,7% no período.

A carne bovina no atacado caiu 11,9%, entre o final de 2022 e julho de 2023, queda maior que a carne bovina no varejo (8,3%) e menor que a do boi gordo (14,1%). No acumulado de 12 meses a queda no preço da carne bovina no atacado foi de 16,0%.

Participe do nosso Grupo no WhatsApp Participe do nosso Grupo no WhatsApp

No mercado de exportação, as vendas seguem em patamares recordes em 2023 (clique aqui). A queda na receita tem sido atribuída ao preço médio da carne bovina brasileira no mercado internacional (clique aqui).

E por falar em mercado internacional, a queda no preço do boi gordo brasileiro em moeda americana acontece tanto pela forte queda no valor da arroba em Reais, como também pela desvalorização do Real frente ao dólar ao longo de agosto, que elevou o câmbio para valores em torno de R$5,0 novamente. Com isso, o preço do boi gordo em dólares caiu forte em agosto, ficando inclusive próximo de perder o patamar de US$40,0. Clique aqui e saiba mais!

Clique aqui e receba os estudos do Farmnews pelo WhatsApp!

Ivan Formigoni

Zootecnista, Fundador do Farmnews e interessado em fornecer informações úteis aos nossos leitores!

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo